sábado, 29 de setembro de 2012

E se... tivéssemos vivido outra vida?


“Tudo poderia ter sido outra coisa, e seria um elemento igualmente importante” (Tennessee Williams)


E se... eu tivesse feito outras escolhas na minha vida? Lembro-me que eu queria me formar em informática na adolescência. Eu era tímido, adorava computadores e era péssimo em me comunicar com as pessoas.
Com o passar do tempo estudei jornalismo, fiz teatro e comecei a escrever e ler bastante. As coisas mudaram e eu tomei um rumo totalmente diferente do que vinha tomando.

E como seria a vida se outras escolhas tivessem sido feitas? E se eu tivesse sofrido um acidente e me tornado deficiente físico? E se minha mãe fumasse e eu tivesse me tornado deficiente mental? Ou se eu fosse adotado? Se eu tivesse seguido a carreira na área de informática? E se eu nunca tivesse usado drogas? Ou se eu tivesse nascido uma mulher, como seria? E se eu tivesse amado outras pessoas, conhecido outras garotas? E se eu gostasse de garotos? Se eu tivesse vivido em outras cidades?

Posso me perguntar se essas outras vidas possíveis teriam sido melhores ou piores do que minha vida atual, mas como afirma a frase no início dessa postagem, elas seriam igualmente importantes, independente do que tivesse acontecido – e isso é o que torna a vida mais especial: saber que, não importa o que você faça, qualquer coisa será única e essa experiência deve ser tida como a melhor experiência que você poderia estar vivendo.

Recomendo o filme Sr. Ninguém (da foto), que trata sobre o tema. O filme conta a história de Nemo Nobody (o mister Nobody), com o excelente ator Jared Leto, que consegue ver as diversas vidas possíveis que ele teria vivido: os amores, as profissões, suas várias escolhas.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...